replica watches released in celebration of an anniversary provide an excellent excuse to turn our minds to the past and gratuitously borrow design cues from a brand's history. How close to the original the reinterpretation ends up being varies from brand to brand, and model to model. In the case of the Montblanc 1858 Collection, the Swiss brand producing fine cheap replica watches out of Le Locle for generations, the 157th birthday of the company has been commemorated with a dollop of classical verve. The release of the Montblanc 1858 Chronograph Tachymeter Limited Edition, the Montblanc 1858 Small Second Limited Edition, and the Montblanc 1858 Manual Small Second introduces three new models that stand shoulder-to-shoulder with the current collection, and give consumers the opportunity to invest in something a little more traditionally styled. Montblanc Mens Replica have done a very nice job of updating a classic chronograph design of theirs from the 1930s. The mono-pusher chronograph is large, features a superbly weighted dial that is extremely legible as a result, a hefty 45mm 18kt rose gold case, and a hand-wound, in-house mechanical movement inspired by a pocket replica watch movement.

Carta de Vinhos


Os médicos dizem que uma taça de vinho tinto por dia faz bem a sua saúde. Vez ou outra você pode abusar desta orientação.

Sua saúde é importante para nós. Nossos preços ajudam você a cumprir esta recomendação médica.

Todos os dias você encontra brancos, rosés e tintos, de 3 continentes, a partir de R$10/taça & R$50/garrafa.  

 

 

 

Espumantes_____________________________________

Bento Gonçalves R$ 26

Dal pizzol – brut charmat longo – 375 ml

Bento Gonçalves  R$ 56

Dal pizzol – brut champenoise. Em diversas degustações esteve colocado entre os melhores espumantes nacionais. Excelente!

Loire CJGV  R$ 58

Pol clément brut rosé com cabernet franc, gamay e pinot aunis, é rosado brilhante com perlage delicada e abundante.

Loire CJGV  R$ 58

Pol clément diamant royal brut com chenin, sauvignon blanc e ugni blanc, tem perlage fina e sabor delicado.

Veneto  R$ 75

Sacchetto – janus – prosecco black extra dry, acidez marcante, aromas de frutas brancas maduras, refrescante e cheio na boca.

Brancos e Rosados_____________________________

Asti, Piemonte R$ 60

Borgo maragliano – la caliera – moscato d’asti, uvas moscato canelli, aveludado com aromas de frutas cristalizadas, acácia e violeta, na boca é encantador e inesquecível, tem somente 5% de graduação alcoólica.

Piemonte  NOVO R$ 60

Valli Unite – Bianchino – uva cortese, repousa em toneis de aço, sem madeira, totalmente orgânico, acompanha com perfeição aperitivos, queijos e comidas leves

Puglia R$ 80

A mano – 85% fiano e greco di tufo, branco apaixonante, com acidez crocante, companheiro para comidas e momentos leves.

Languedoc  R$ 90

Hecht&bannier – rosé produzido a partir de syrah com pequenas quantidades de grenache e cinsault. Vinhedos orgânicos das regiões mais altas com influência mediterrânea. 13% de álcool, com ótimo final de boca.

Sicilia R$ 100

Calatrasi – terre di ginestra – uva catarrato (segunda uva mais plantada na Itália) com excelente corpo e acidez firme, tem 4 meses de carvalho.

Rioja R$ 105

Cia vinícola del norte – monopole, 100% de viura, seco, várias nuances de sabor e frequentemente com ótimas notas de avaliação. Surpreende em avaliações profissionais e encanta consumidores.

Piemonte  NOVO R$ 110

Valli Unite – rosatea – uvas malvasia, brachetto, moscato d’amburgo e barbera. É leve e perfumado, aromático, apropriado para acompanhar pratos leves e delicados e até mesmo algumas sobremesas. 11% de álcool.

Vale do Loire  NOVO R$165

Domaine de Montcy – cour-cheverny , único lugar no mundo onde se cultiva a uva romorantin!! vinho seco e fresco, de vinhas de 50 e 100 anos de idade, muito apropriado para frutos do mar.

 

Tintos_______________________________________________

Vale do Rhône  NOVO  R$ 80

Christian Bonfils – prince d’orange – grenache, syrah e mourvedre, depois de 8 meses em barris velhos de carvalho, se mostra como um vinho que é puro prazer, equilibrado e aromático

Pugliam R$ 80

A mano – negroamaro, vermelho intenso, notas de chocolate e ótimo corpo, surpreende na boca quando acompanha molhos rústicos, 4 meses em madeira.

Puglia R$ 90

A mano – promessa – syrah e merlot, elaborado de forma orgânica, muito agradável, fácil de beber e companhia perfeita para massas.

Jumilla  R$ 90

Bodegas carchelo, carchelo, uvas monastrel, tempranillo e cabernet sauvignon, com 2 meses em barris de carvalho francês é intenso e saboroso.

Puglia R$ 95

A mano – prima mano – primitivo, poderoso, aromas intensos e com taninos macios, é um vinho estruturado e instigante, com 8 meses em carvalho.

Terra Alta  R$ 95

Altavins – almodi, uvas garnacha negra, cariñena, merlot, syrah e cabernet sauvignon, jovem, sem madeira e ótima qualidade/preço na Terra Alta.

Piemonte R$ 100

Rocche costamagna – murrae – dolcetto dálba, ótima companhia para dias quentes e pratos mais leves.

Toscana  R$ 105

Antinori – le maestrelle – sangiovese, merlot e syrah, 15% do vinho é afinado em barricas, notas de baunilha. Ótimo para massas e pizzas.

Sicilia R$ 105

Morgante – nero d’avola, vermelho rubi, palato encorpado, forte e com taninos delicados, cresce quando acompanha comidas.

Vale do Maule R$ 105

Viña maipo – gran devoción – syrah (85%), petite syrah (15%), taninos firmes, com vivacidade e aromas de fruta negra, 14 meses em carvalho francês e americano.

Abruzzo R$ 110

Zaccagnini – montepulciano d’abruzzo tralcetto, italiano tradicional, excelente equilíbrio entre taninos e carvalho (4 meses), para massas e risotos com sabores fortes.

Bergerac (leste de bordeaux)  NOVO R$ 110

Chateau le Payral – bergerac – 50% merlot, 30% cabernet sauvignon e 20 cabernet franc. Potente começo, taninos aveludados e longa persistência. Excelente para carnes e queijos fortes.

Jumilla R$ 130

Bodegas carchelo – vedré, uvas monastrel, syrah e tempranillo, elegante e sedoso, 14 meses em barricas novas e antigas de carvalho francês.

Columbia Valley/Washington R$ 130

Chateau ste michelle – syrah, menos de 40% do vinho descansa em barricas antigas e novas (33%). Muito fácil para acompanhar comida, de carne a massas e queijos.

Mendoza  R$ 140

Bodega norton – privado – malbec predominante e mais merlot e cabernet sauvignon, cor intensa rubi, untoso na boca. Tem 16 meses em carvalho francês novo e mais 12 meses em garrafa. Vale degustar!

St. Émilon Montagne Bordeaux  R$ 150

Château rocher calon – corte tradicional, merlot (95%) e cabernet franc, moderno, 18 meses em carvalho. Relação preço/qualidade é fantástica!

Patagonia R$ 150

Bodegas noemia – a lisa – 90% malbec e 10% merlot, vinho de boutique, de vinhedos com mais de 60 anos, minúscula produção, rico e fresco. Bela expressão da malbec.

Toscana Bolgheri R$ 150

Antinori – il bruciato – cabernet sauvignon com merlot e syrah, após 8 meses em carvalho francês, na boca é encorpado, taninos suaves e longa e saborosa permanência. Especial para aperitivos!

Bourgogne R$ 165

Maison champy (a mais antiga vinícola da borgonha) – pinot noir na sua mais tradicional expressão, combina frutas maduras com elegância e tem ótima acidez. Muito gastronômico.

Vale do Maule R$ 165

Viña maipo – limited edition – syrah, taninos bem densos, retrogosto fresco, prolongado e marcante,  25 meses em carvalho dão classe e muito prazer na boca.

Vale do Maipo R$ 190

Viña haras de pirque – haras elegance – 97% cabernet sauvignon e 3% syrah/cabernet franc, concentrado, taninos bem presentes parecem sedosos, 15% de álcool, Robert Parker: 90.

Roussillon  NOVO R$ 200

Domaine de l’Ausseil – le trois pierres 2006 – syrah, carignan e grenache, vinificados em separado, repousando 18 meses em carvalho, sem filtração. Muito rico em aromas, paladar impressionante, taninos de excelente qualidade para pratos estruturados.

Mendoza R$ 220

Vinícola achaval-ferrer – quimera 2009 – malbec(31%), cabernet sauvignon(27%), merlot(20%), cabernet franc(18%) e petit verdot(4%), a partir de vinhedos de baixo rendimento (800g uva por videira) usando 2 videiras por garrafa, 12 meses em barricas (40% novas), sem clarificar e sem filtrar, 14% álcool. Robert Parker: 93.

Toscana R$ 900

Sassicaia bolgheri doc 2007 – super toscano, com cabernet sauvignon (85%) e cabernet franc (15%), guarda por 24 meses em carvalho francês e 6 meses em garrafa. Tem alma nobre e a memória das pedras. Robert Parker: 95.

 

 

 

Sobremesa/Grappa

                           SOBREMESA/GRAPPA

  $ 

1902w   sicilia – rallo – marsala fine doc, uvas grillo/catarratto/inzolia 16% álcool. 

 $24

1910     grappa nonino, metodo artigianale         

 $28

1912w   grappa di barolo guasti clemente     

 $30
1914    grappa san vito, di pignoletto                 
 $30